4 Boas razões para adicionar pimenta a seus pratos

A pimenta preta é um condimento muito prático para melhorar o sabor de certos pratos, especialmente como parte de uma dieta, onde os idosos acham a comida muito sem graça. Mas também esconde muitos benefícios para a saúde. A única condição a ser respeitada, para evitar irritar a mucosa intestinal, é evitar consumi-la em caso de úlcera gástrica, gastrite ou hemorróidas. Caso contrário, aqui estão algumas boas razões para desfrutar seu sabor único:

Para queimados carne

Quando a carne é grelhada ou queimados churrasqueira, aminas heterocíclicas são formadas na superfície durante o cozimento. No entanto, essas moléculas são reconhecidas como cancerígenas. Um estudo recente realizado por pesquisadores da Universidade Estadual do Kansas, Estados Unidos, pimenta preta eliminaria.

Para a digestão

Se você sofre de problemas intestinais, o pimenta preta é sua amiga! Na verdade, ajuda a aumentar a produção de saliva e, assim, melhora a decomposição de alimentos quando em nossa boca. Ele também estimula a secreção de suco gástrico, que melhoram a digestão e reduz náuseas, distensão abdominal, flatulência e constipação.

In the mood

piperina, um componente de pimenta preta, estimula produção de endorfina. Este hormônio alivia o estresse, reduz a dor e aumenta a sensação de bem-estar. É por isso que o consumo de pimenta está envolvido na luta contra o risco de depressão, ansiedade, insônia e medo crônico.

Para tratar a tosse e

frio Você já deve ter percebido que Aproximando-se do nariz com pimenta, corre o risco de espirrar. Esta propriedade descongestionante, e sua antibacterianos, pode ser muito útil para doenças respiratórias, como resfriados, tosse e tosse seca.